... Edição: 2007 - Vol. 32 - No. 01 > Editorial > Índice > Resumo
 
Relatos autobiográficos: uma possibilidade para refletir sobre as lembranças escolares das alfabetizadoras

Helenise Sangoi Antunes*
.

Este artigo foi elaborado com o objetivo de conhecer as lembranças escolares das alfabetizadoras através de seus relatos autobiográficos. O referencial teórico baseia-se nos estudos de Bosi (1999), Bergson (1999) e Bem-Peretz (1992), entre outros que contribuíram para as reflexões propostas nesse trabalho. A metodologia é de caráter qualitativo, a partir dos estudos realizados por Bogdan; Biklen (1994), e emprega entrevistas semi-estruturadas, relatos autobiográficos e registros em diário de campo com alfabetizadoras do sistema de ensino de Santa Maria/RS. Acredita-se que o desenvolvimento de uma postura reflexiva por parte das alfabetizadoras passa também pela necessidade de produção de saberes e de valores comprometidos com os princípios da ética, através do fortalecimento da autonomia nas várias dimensões que fazem parte da existência humana. Como resultados, percebeu-se que a organização do cotidiano escolar acaba, na maioria das vezes, impedindo a troca de saberes construídos pelo exercício profissional e não incentivando o professor a investir nas experiências significativas dos seus percursos de formação e na reflexão teórico-prática. Porém, destaca-se que, no momento em que as alfabetizadoras refletem, via relatos autobiográficos, sobre seus processos formativos, percebem o quanto precisam buscar novos subsídios teórico-práticos para poderem instaurar práticas educativas críticas e reflexivas, construindo novos sentidos em relação às suas histórias de vida e às suas práticas docentes.

Palavras-chave: Alfabetização. Formação de Professores. Relatos Autobiográficos.

 
* Profa. Dra. do PPGE do Centro de Educação/Universidade Federal de Santa Maria. Coordena o convênio interinstitucional entre o CEALE/UFMG e o GPFICA/UFSM através do Projeto de Pesquisa “Laboratório de Alfabetização: repensando a formação de professores”.
 
Ler artigo
View abstract

.